Entrevistando Dra. Mirella Freire

Segunda é um dia muito animador para comecar a dieta, mudar de vida e cuidar mais da saúde. Quem nunca comeu aquela taça de sorvete no sábado e ficou dizendo para si mesmo – “Segunda vou comecar uma mega dieta!”

Pois bem, pensando nisso convidamos a Dra. Mirella Freire para responder algumas perguntas sobre nutrição em geral. As dicas e dietas da Dra. Mirella são realmente muito boas e seu corpo é seu maior cartão de visita. Ela é muito em forma!

Além da obesidade, em que a má alimentação afeta o organismo?

Uma alimentação de má qualidade afeta o organismo como um todo, pois,  alem de comprometer a saúde, acaba refletindo negativamente na estética. É sempre bom pensarmos no que colocamos para dentro do nosso corpo antes de comer, pois, os nutrientes e outras substâncias presentes nos alimentos tem o poder de atingir as celulas e modular todo metabolismo, isso pode ser bom ou ruim, vai depender das suas escolhas…

 

Quais são os grandes vilões da boa forma?

Sedentarismo, alimentos processados e industrializados, sono de má qualidade, estresse, farinha branca, açucar refinado, alcool, refrigerantes (inclusive os “zero”), frituras e “junk” foods.

 

Vivemos uma época em que as pessoas fazem mil coisas ao mesmo tempo e, por isso, não têm tempo de elaborar uma refeição saudável. Que dicas você daria?

Por mais que a vida seja corrida, ha sempre uma opcao, digamos, “menos ruim” a ser seguida… Tente nao “pular” refeições, faca sempre lanches práticos e saudáveis entre elas, por exemplo: frutas frescas e secas, cookies integrais, bolachinhas de arroz, etc. Prefira sucos naturais ou polpas de fruta, ao invés de caixinhas. E o mais importante: pare de pensar apenas em calorias e pense tambem na qualidade e nos beneficios em que o alimento pode trazer para voce.

 

Dicas primárias para quem procura emagrecer com saúde e pensando na longevidade?

Acho fundamental procurar um profissional capacitado para fazer uma avaliação do seu estado nutricional, e orientar tanto com relacao ao cardápio a ser seguido, quanto a necessidade de suplementacao de nutrientes. Tudo de acordo com a sua necessidade individual…

 

Qual a sua posição sobre o vegetarianismo?

Não sou a favor de nenhum radicalismo e, no vegetarianismo, as pessoas acabam excluindo alimentos importantes numa dieta balanceada, isso pode gerar algumas carências nutricionais importantes. O segredo esta no equilíbrio, com moderação, a carne vermelha e outros alimentos de origem animal tem sua importância.

 

Considera que a população em geral está bem esclarecida sobre o vegetarianismo? Que ideias erradas sobre a alimentação vegetariana seria importante desmistificar? 

Às vezes tenho a impressão que as pessoas seguem algumas dietas porque estão “na moda”, esquecem de que saude é algo com que se preocupar sempre. Claro que algumas adotam o vegetarianismo por filosofia ou religião, outras tem algum tipo de intolerância aos alimentos de origem animal, tirando esses casos, não concordo com a exclusão radical de alguns alimentos. É importante dismistificar que, nem sempre, vegetarianismo eh sinônimo de saúde, conheco vários casos de vegetarianos com complicações ou doenças decorrentes deste tipo de dieta.

 

A alimentação vegetariana fornece todos os nutrientes de que o organismo humano necessita?

Normalmente nao, é preciso avaliar com critério e, na maioria dos casos, suplementar.

 

Tem se falado muito sobre a nutrição voltada para a prevenção do câncer. O que você acha sobre esta vertente e quais alimentos são predominantes? 

Alguns alimentos previnem o aparecimento de doenças, entre elas, o cancer. Os principais são aqueles ricos em antioxidantes, exemplo: açai, mirtilo, semente de uva, roma, as “berrys” de um modo geral… Em todo caso, o que “pesa” mesmo é a qualidade da alimentação, portanto, vamos pensar mais antes de escolher o que comer, faz toda a diferenca…

Os Top 5 que eu recomendaria:

1) oleo e farinha de côco

2) chá verde

3) açai

4) quinoa em grãos

5) cacau orgânico

 

Orgânico ou integral?

Orgânico, sem dúvida!

Categorias Sem categoria

16 thoughts on “Entrevistando Dra. Mirella Freire

  1. Na realidade é em forma!Dra. Mirella é muito malhada, mesmo grávida o seu corpo é impecável. Nossa fonte não está muito legível, o que deve ter te dado a impressão de estar escrito \”em formal\”. Beijos!

  2. Olá meninas, adoro o blog de vcs e essa entrevista foi bem legal. Mas fiquei com uma dúvida, a Dra. Mirela é médica? Pq vi em outro blog que ela é nutricionista e não Dra. Beijos e parabéns mais uma vez pelo post.

  3. O "Dra." eh uma forma popular de tratar todos os profissionais da área da saúde, e não apenas a classe medica. Existe uma resolução do conselho federal q, inclusive, aconselha seu uso, mas td isso começou por causa de toda aquela confusão do "ato médico". Na verdade, ate os médicos, só deveriam usar o "Dr.", se tivessem o título, ou seja, o curso de doutorado, mas eh uma expressão popular, derivada de "doctor"… E, portanto, mto utilizada por todos…

  4. Olá Mirella, obrigada pelo esclarecimento, muito atencioso da sua parte =) tb sou formada na área da saúde, mas quando estagiei em Caps e em Cras a orientação era justamente o contrário: não chamar ninguém de dr (nem mesmo o médico), a fim de não abrir uma lacuna social ainda maior entre o usuário (paciente) e o "dr". Mas concordo plenamente no uso do termo caso a pessoa tenha um título de doutorado, como vc bem lembrou. E de fato, esse ato médico veio atrapalhar a vida de muita gente =( Mas enfim…aqui o que importa é que sua entrevista foi ótima, vc realmente arrasou! Parabéns!

  5. Então Dra Mirella não atende paciente vegetariano ? Sou vegetariana há sete anos, e nunca apresentei qualquer quadro relacionado a anemia. Só suplemento b12, ácido folico. O resto na alimentação. Cálcio ? Folhosos escuros, gergelim, frutos secos… Para potencializar a disponibilidade deste importante mineral à alimentação humana, vitamina C junto às refeições. Simples. Mas entendo sua posição como nutricionista, já é bastante sabido que não é estudada a dieta vegetariana nas faculdades…lamentável, pois é um público que só faz crescer… Vale ressaltar que o CRN 3, reconheceu há pouco tempo a viabilidade das dietas vegetarinas.

  6. Olá Renata, lamento tb sua forma de interpretar a entrevista, pois em nenhum momento falei q não atendo pessoas vegetarianas, apenas me posicionei c relação ao tipo de dieta, baseada, inclusive, neste tipo de publico q atendo c freqüência e nas minhas experiências praticas…Conheço bem as estratégias para uma dieta vegan sem deficiências. Parabéns por ser uma vegetariana bem orientada nutricionalmente.

  7. Gosto de nutricionistas. Como posso marcar uma consulta ?
    É… Deve ter havido algum ponto que não entendi na entrevista… Mas isso independe de combinarmos uma orientação.

Deixar um Comentário:

O seu endereço de email não será publicado.Todos os campos do formulário são obrigatórios