Minha reeducação

Estava fazendo uma reflexão de assuntos que deveria abordar com vocês, do que vocês mais gostam, mais pedem… E sem dúvida alguma o assunto mais pedido aqui, no meu instagram e e-mail, é como eu emagreci, o que eu fiz e etc. Engraçado como a gente não nota! As pessoas começaram a me perguntar e eu ficava pensando e me perguntando  “gente, mas não entendo, não emagreci tanto, não fiz nada demais, o que eu vou responder?!”. Comecei a olhar minhas fotos antigas, e por incrível que pareça eu mesma tomei um susto! E aí entendi o porque de tantas perguntas e questionamento a respeito desse assunto. O fato é que não fiz nada RADICAL, e quando as pessoas perguntavam não sabia o que falar por conta disso. Emagreci de uma forma natural, óbvio que consequência de um estilo de vida que adotei nos últimos meses, sem perceber.

Bom, chega de falar né? Rs! Mas não podia deixar o ano acabar e não fazer um post tão pedido por vocês.

O meu corpo hoje em dia é resultado de duas coisas muito simples: alimentação e exercício. (Vou dividir em dois posts pra não ficar cansativo tá?) Vou começar falando do que acho mais importante e o que realmente faz a diferença que é a alimentação.

Há alguns meses conheci a Da Ma da-Lê e me apaixonei. Sabe aquela comida com gostinho de mãe, feita em casa, na quantidade certa e ainda leve? Não? Pois é, eu também não sabia que era possível até provar a deles! Gente, não tem nada melhor do que vc fazer dieta, sem sentir que está fazendo né? Ah! Preciso falar que eles também têm comidinhas sem ser light e com o mesmo gostinho delicioso. Sempre que faço meu pedido, peço pro Joaquim e pro Abraham também (eles amaaaam o strognoff)! Antes que me julguem por dar para o Joaquim, toda a comida da Da Má da Lê é embalada a vácuo e sem conservantes. Ou seja, atende a todos os gostos e idades e ainda no melhor estilo cozinha da mamãe. O melhor de tudo é que a comida não é congelada, é apenas resfriada para não perder o sabor (os pratos devem ser aquecidos em banho-maria ou micro-ondas), e eles ainda entregam em casa!

Bom, voltando ao assunto principal, rs! Fotografei uma semana inteira de almoço pra vcs verem. Acabou que as Comidinhas foram como uma reeducação alimentar pra mim, pois ela já vem na quantidade certa e não tem aquela coisa de ficar “repetindo o prato” (seeempre fazia isso!). Hoje já sei a quantidade certa e se extrapolei, compenso na refeição seguinte.

Na segunda sempre tento começar pelo mais leeeve possível e com pouco carboidrato, afinal é logo depois do FDS e vocês sabem como é né… Esse é um salmão grelhado com legumes.

Eu sou “daquelas” viciadas em doce (infelizmente!! Sofro com isso…), mas consigo suprir toda minha vontade com os doces “low carb” Da Ma Da Lê, são deliciosos e nem parece que fazem parte da minha dieta. Esse é um  brownies divino e coloquei uns moranguinhos.

Na Terça já volto a introduzir carboidrato. Essa é uma tortinha de frango que a-m-o e faço uma saladinha de tomates com alface para acompanhar. As vezes também faço em casa ela com a massa integral.

Quarta Feira é dia de Muay Thai, então me dou o direito de comer meu prato  preferido da vidaaaa, até porque preciso de muita energia pra minha aula (vou colocar o treino aqui e vocês vão entender o que estou falando… Rs!). O Joaquim também AMA esse strogonoff e pede sempre!

Na Quinta um franguinho com espinafre e purê de mandioquinha. Mais light que no dia anterior pois é dia só de musculação!

Como já falei antes e você puderam perceber, adoro uma sobremesa. Então alterno os dias, um dia eu me dou o direito e no outro não. Essa é a minha preferida de lá, pudim de leite condensado (mas tudooo light!)

Sexta Feira sempre me controlo, pois sei o que que me espera no FDS…. Rs!

Nessa semana passada que fotografei pra vocês, não fui jantar fora na sexta (o que normalmente eu faço…), então aproveitei e jantei uma coisinha light e mais controlada também. Esse creme de espinafre é divino! (Preciso confessar que rolou uma taça de vinho nesse dia a noite!)

Sábado é dia de almoçar com meus meninos, e pra não sair da dieta “arrumei” um jeito deles entrarem comigo, rs! Pedi o picadinho com arroz de brócolis e purê. Eles amaaam, e assim fica mais fácil pra mim não dar aqueles pulos fora!

E esse já foi o almoço da outra segunda, polpetone com purê de batata pois ontem fiz Muay Thai, e como já disse, preciso de carboidrato no dia que treino!

 Bom gente é isso, UFA! Tomara que vocês gostem pois deu um trabalhão viu? hehehe

Só pra explicar direitinho… Meu café da manhã é sempre um suco verde com tapioca, entre as refeições como ou fruta ou barrinha de proteína e de jantar vario entre grelhados com salada e sopa.

Obrigada Da Má Da Lê por fazer essas delícias e me ajudar mesmo sem saber! Rs!

Ah Gente, é importante eu dizer que também dou minhas “escapadinhas”, afinal, sou filha de Deus né? Rs! Nos finais de semana sempre tomo minha taça de vinho, as vezes como um doce… E assim vou compensando durante a semana.

Ahh e olha que bacana, descobri que eles também tem opção de ceia de natal, é possível encomendar a sua até dia 18/12. Amei!

Muitos beijos!

Para quem se interessar, segue o contato delas:

Da Má da Lê – Rua Dep. Lacerda Franco, 452 Vila Madalena tel.: 2925-7010 contato@damadale.com.br

www.damadale.com.br

8 thoughts on “Minha reeducação

  1. Nicole, no café da manhã sua tapioca tem algum recheio? Adora o suco verde de jejum, mas fui acometida por uma gastrite e tive que suspender. Suco verde sem limão não existe para mim. kkkkk… bjs

  2. Putz, eu realmente achei que vc fosse fazer um post falando da sua reeducação de verdade… comecei a ler toda empolgada, mas quando vi que era jabá, desisti! Decepção, Nic!

    1. Karina e Fla, isso foi de fato o que aconteceu. Exatamente essa essência. Comecei a reeducação com a Keep Light e depois passei pra esse pois achei com mais cara de caseiro. Mas amo as duas. Achei que fotografando minha diária seria a forma mais fácil e exata de mostrar pra vocês o que tenho feito. Além disso, o que esqueci de colocar no post é que sempre faço um dia de líquido na semana. Beijos

  3. Acompanho o blog já algum tempo e confesso que me decepcionei com esse post! Fiquei toda animada achando que vc ia realmente falar de sua reeducação alimentar!

Deixar um Comentário:

O seu endereço de email não será publicado.Todos os campos do formulário são obrigatórios